PUBLICIDADE
Caarapó

Assassinato em Caarapó

Anderson Cleber do Amaral, o Bugão como era conhecido foi morto com um tiro na nuca em Caarapó.

| CAARAPONEWS


 O agricultor Anderson Cléber do Amaral, conhecido como “Bugão”, morador na Rua 15 de Novembro no centro de Caarapó, foi morto dentro da sede da FUNASA, Fundação Nacional de Saúde em frente a sua residência.

 Segundo testemunhas Anderson atravessou a rua acompanhando o filho de 5 anos, e entrou no prédio da Funasa, fazendo sinais aos funcionários e pessoas que lá estavam que havia um homem armado ali, o homem desconhecido veio junto com Anderson e dizia vamos “Bugão” vamos “Bugão” enquanto ele tentava ganhar tempo dizendo que não podia ir e tentava sinalizar que o desconhecido estava armado. Foi quando Anderson abaixou-se para pegar um copo d’água no bebedouro que o desconhecido sacou a arma e deu um tiro em sua nuca e fugiu do local.

 Anderson foi socorrido e levado ainda com vida até o hospital São Matheus onde acabou não resistindo e morrendo no local.

 A Polícia Civil e Militar está à procura do acusado de matar Anderson, que segundo testemunhas é alto, gordo, usa cavanhaque e está trajando camisa clara e calça jeans.

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE