PUBLICIDADE
Caarapó

BBs ensaiam discurso para emparedar Siri

| GLOBO.COM


 A liderança de Airton caiu como uma luva nos planos de Alberto e Fernando, que se organizam para combinar votos e formar um paredão com dois vértices do triângulo amoroso formado por Diego, Fani e Íris.

 Ao lado de Bruno, a dupla conversa na cozinha ensaiando o discurso que será apresentado ao resto do grupo: os brothers têm certeza de que Diego indicou Felipe no último paredão atendendo a um pedido de Íris e que o trio de loiros joga combinando votos, ainda que de forma tácita.

 "Eu nunca quis entrar nessa de combinar votos, mas eles (Diego, Siri e Fani) estão com o domínio da casa. A gente vai dar uma de bobo? Tinha que quebrar mesmo, dar um susto", argumenta Alberto. "Estamos só nos defendendo." Caubói e Justin tentam convencer Bruno a adotar a mesma linha lembrando que Airton ouviu Íris pedir a Diego para mudar seu voto, minutos antes do brother emparedar Felipe, no domingo passado.

 "O Airton ouviu, cara. Ela pediu para ele mudar de idéia", conta Fernando. Bruno ainda hesita. "Mas se ela fez isso, ela cavou a própria cova dela", comenta o mineiro. Alberto tem certeza que é o próximo da lista da sacoleira e diz aos colegas que só abandonou a prova de resistência vencida por Airton depois que Íris saiu. "Pedir para alguém te indicar é pior do que votar em você.

 Eu discuti com a Íris quando a Bruna era líder e não pensei em pedir nada para ela, ao contrário. E eu não tenho dúvida. Se a Íris for, ela não volta." O líder Airton entra na cozinha e confirma que ouviu o pedido de Íris. O carioca foi um dos brothers que mais se irritou com a mudança de planos de Diego.

 A conversa entre Siri e Alemão aconteceu no último domingo, num dos intervalos do programa ao vivo, momentos antes da votação. Acreditando que Diego indicaria Bruno, como havia anunciado, a mineira disse ao líder na sala que não era tarde para ele mudar de idéia. Diego logo cortou o papo, afirmando que já tinha tomado sua decisão. Horas antes, o paulista conversou com Felipe no quarto do líder e garantiu que indicaria Bruno.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE