PUBLICIDADE
Caarapó

Prefeito de Caarapó decide ficar no PR

O prefeito de Caarapó, Mateus Palma de Farias, vai permanecer no Partido da República (PR).

| ASSESSORIA


 

O prefeito de Caarapó, Mateus Palma de Farias, vai permanecer no Partido da República (PR). A decisão foi tomada na última quarta-feira, após reunião com o presidente da legenda em Mato Grosso do Sul, deputado estadual Londres Machado, e com o governador André Puccinelli (PMDB). Na semana passada, a imprensa havia divulgado a iminente migração do chefe do Poder Executivo municipal caarapoense para o partido do governador.

Mateus Palma de Farias confirmou que recebeu convite de lideranças do PMDB para ingressar na legenda. “É um partido que reúne nomes de expressão nacional, tem o governador do Estado e possui um projeto claro de desenvolvimento para Mato Grosso do Sul”, declarou o prefeito sobre o PMDB. “Somos gratos pelo convite, o que muito nos honra, a gente se sente valorizado por isso, mas vamos permanecer no PR”, continuou.

De acordo com o mandatário caarapoense, nada muda nas relações com o governo do Estado. “O PR integrou a aliança que elegeu André Puccinelli e permanece na base de sustentação do governo na Assembléia Legislativa”, argumentou, acrescentando que “tudo vai ficar como está, sem mudanças”.

Quanto ao pleito eleitoral de 2008, Mateus Palma de Farias disse que ainda não decidiu se vai concorrer. “No momento, penso exclusivamente em concluir o meu mandato. Concorrer à reeleição vai depender dos anseios populares, se houver de fato um chamamento para continuarmos o projeto que estamos implantando em Caarapó”, explicou. Entretanto, o grupo político do prefeito já se mobiliza no sentido de alinhavar as alianças que possam garantir uma reeleição tranqüila do administrador caarapoense.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE