PUBLICIDADE
rural

Com 98,1% das áreas semeadas, plantio da safra de soja entra na reta final em MS

Caarapó e menos 22 cidades do estado já concluíram o plantio da nova safra da oleaginosa.

| ANDERSON VIEGAS, G1 MS


 

O plantio da safra 2018/2019 de soja está na reta final em Mato Grosso do Sul. Até sexta-feira (16), 98,1% das áreas que deverão ser semeadas neste ciclo, o equivalente a 2,786 milhões de hectares de um total de 2,840 milhões de hectares, já haviam recebido as sementes, conforme levantamento do Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio (SIGA), da Associação dos Produtores da oleaginosa (Aprosoja/MS) e Sistema Famasul.

 

Até o fim da semana passada, o plantio estava praticamente concluído nos cinco municípios da região central do estado: Bandeirantes, Campo Grande, Jaraguari, Nova Alvorada do Sul, Rio Brilhante, Sidrolândia e Terenos.

No sul do estado, produtores de 15 municípios também já haviam concluído os trabalhos: Amambai, Antonio João, Aral Moreira, Caarapó, Coronel Sapucaia, Douradina, Eldorado, Fátima do Sul, Iguatemi, Itaporã, Ivinhema, Laguna Carapã, Mundo Novo, Sete Quedas e Vicentina. Na região, como um todo, a média de áreas cultivadas atingiu o percentual de 98,1%.

No norte, a semeadura também foi finalizada em três cidades: Alcinópolis, Costa Rica e Coxim. A média da região atingiu os 95,8%.

Neste levantamento, os técnicos do SIGA reiteraram a previsão de que o estado deverá colher novamente uma safra recorde. A previsão é que com o incremento de 4,9% na área cultivada, de 2,700 milhões de hectares para 2,840 milhões de hectares e com uma produtividade de 59 sacas por hectare, o estado colha um total de 10,053 milhões de toneladas, volume 4,6% superior as 9,584 milhões de toneladas da temporada anterior.

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE